Novas equipes, muitas mudanças e a valorização do diálogo: a partir destas questões, o Ibase se reuniu ontem para um seminário interno e fez uma reflexão sobre o trabalho realizado pelas equipes. E, ainda, de que forma este trabalho pode acontecer com pontos de interseção entre todos. 
Entre os assuntos debatidos, a capacidade do Ibase em ser uma voz de consciência da sociedade e os dilemas da sociedade civil e suas organizações. No seminário, que foi realizado no auditório e durou todo o dia, surgiram algumas questões, entre elas a própria atuação do Ibase no campo das ONGs.
Para o seminário, Sandra Jouan, uma das coordenadoras de núcleo, escreveu um texto para o seminário – que foi lido na íntegra. 
Veja aqui.

Autor

Martha Moreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tradução »